#24 – First world bizarrices

Como eu não sou lá flor que se cheire, este post é pra dar balancear com o de ontem, que falou sobre umas mordomias bestas que eu tenho nessa minha vida na holanda. Vamos ao momento reclamation.

1. As pessoas não fazem fila pra nada e não respeitam a ordem de QUEM ESTÁ NA FRENTE. Sabe aquela coisa de cada um por si e deus por todos? Então. Na minha primeira semana aqui eu fui pra uma feira e bugigangas e tinha que comprar o ingresso. Minha gente, a ~fila~ formada pelos holandeses de 200m de altura parecia aqueles campos de batalha, onde todos precisam correr pra se salvar do bombardeio. No meu Brasil, se alguém fura a fila já leva logo um sacode e ouve grito desaforado do tipo “Volte pro fim da fila, seu folgado!”.

2. Você ta doente e vai no médico. Agenda a sua consulta, chega na hora marcada, o médico vem lhe receber na recepção da clínica com um sorriso no rosto e um aperto de mão. Meu Deus, que coisa de primeiro mundo! Daí você explica que está morrendo por dentro, que um gremlin está a ponto de sair de dentro de suas entranhas.

O médico ouve pacientemente enquanto digita no computador… No fim da consulta, ele lhe receita o que todos os médicos na holanda receitam: PARACETAMOL. Velho, vai tomar no cuuuuuuuu!!! Não precisa estudar medicina por 10 anos pra tar receitando paracetamol pra ninguém. Os médicos daqui não passam exame, a não ser que você exija, não passam antibiótico, e ás vezes nem tocam em você. Consulta médica tem tempo máximo de duração (geralmente, 10min) e se você quiser discutir algo mais aprofundado, tem que avisar com antecedência. Eu hoje em dia até evito ir no clínico geral (pq aqui não se pode ir direito no especialista sem indicação do clínico). Pra tomar paracetamol e me curar, eu vou no mercado e pronto. Então deem valor aos seus médicos brasileiros que sempre perguntam como ta a mãe, o papagaio, que pedem exame de sangue, de urina, de alma… Porque aqui o povo é pão duro e não fazem nada disso.

3. Essa não é culpa dos holandeses, mas da Holanda: como aqui quase tudo que se come vem de fora, tipo as frutas e tal, a diferença de sabores é extrema. O açúcar não é doce, o sal não é salgado, a banana não tem gosto de banana, a manga parece um pedaço de plástico, NÃO TEM PÃO FRANCÊS!!!!!!!!! Eu tento me adaptar do jeito que dá, mas as vezes é difícil não achar nem mamão papaya pra comer, por motivos de no hay. Apenas no hay. De uns dias pra cá me bateu um desejo feroz de comer goiaba, e até postei no grupo do facebook de brasileiros em amsterdam. Ainda aguardando recomendações.

4. As pessoas não costumam comer prato quente no almoço, e as vezes nem mesmo no jantar. Sabe quando você vai pra almoçar com seus amigos de trabalho pra ir no PF, ou então aquele buffet maravilhoso com feijoada na sexta-feira? Aqui não existe isso. Primeiro que só se tem 30min de almoço no trabalho – oi??? -, e segundo que holandês come pão , pepino e alface praticamente todo dia. Tem gente que até traz ovo cozido (UM MÍSERO OVO HAHAHAH) pra comer com o pão seco. Pão com manteiga e granulado de chocolate. GRANULADO, AQUELE QUE A GENTE USA PRA COBRIR O BRIGADEIRO DE FESTA!!!!! Botam um iogurte do lado, ás vezes uma sopinha… e bebem LEITE DE VACA. HAHAHA Isso é almoço de gente? Pois se a minha mãe visse isso, ia dar uma voadora na cara desse povo pra eles aprenderem a comer direito.

5. Ainda sobre refeições, eu nunca vi um povo pra gostar tanto de sopa. Tem sopa no brunch, sopa no almoço, sopa no jantar… Lá em casa a gente só toma sopa se 1. tiver doente ou 2. sobrar comida do almoço e acabar tudo no panelão da sopa.

6. Quando um ente da sua família, ou namorado, faz aniversário, as pessoas parabenizam você. Imagina entrar na casa da sua sogra no dia do aniversário dela, e todas as pessoas pra quem você diz oi falam “parabéns com a sua sogra!”. Hahahah É beeeeem estranho. Até mensagem no celular as pessoas enviam, parabenizando você pelo aniversário de um ente querido. Chega a ser um pouquinho fofo, vai.

*

7 comentários

Deixe um comentário ou entre em contato via Twitter @indecisa


Mariana
26/08/2017 às 23:00 ·

Mano, esses hábitos de almoço de gringo são muito bizarros! Como que tu aguenta passar o dia com um sanduíche no estômago? De sábado eu dou aula das 8:15 até as 14:00 e meus intervalos são míseros 15 minutos. Geralmente só dá tempo de matar um sanduíche que eu trago de casa, mas chegou duas da tarde eu to varada de fome!

Responder

Isa
27/08/2017 às 09:50 ·

esse pão COMPLETAMENTE SECO com granulado em cima tá me dando tanta afliceta que não consigo nem descrever. MINHA NOSSA SENHORA. e o copo de leite??????? arrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrgh!

Responder

[…] eu mais gostei de conhecer nesse BEDA é o Um blog (ainda) sem nome, da Rayana, e esse post sobre as bizarrices do primeiro mundo está bem, bom, […]

Igor Cavalcante
27/08/2017 às 11:38 ·

Nossa, só isso no almoço? Minha mãe teria um ataque do coração vendo essas coisas aushaushausha A Nienke já tinha falado sobre a curiosidade 6 e eu achei um tanto quanto estranho, mas fazer o que aushasua. Amei o post, sério!
Bjos <3

Texto novo: ://aolhardeumgaroto.blogspot.com.br/…/piloto-automatico…

Responder

Roberta
27/08/2017 às 21:20 ·

que bizarro isso do almoço! eu que amo comer uma comidinha de verdade, imagino como deve ser dureza lidar com os pão seco e pepino, hahahaha

Responder

Carolina
28/08/2017 às 10:08 ·

Confesso que o pão com granulado e manteiga atiçou minha curiosidade? Confesso, mas em momentos mais complicados da vida já fiz misturas alimentares mais cabulosas que isso.

E, miga… sopa é vida. Sorry, em casa sempre tem. Comida de uma panela só é tudoooo!!!!

Agora, por favor…. pão com ovo cozido?? Que que esse povo tem nas ideias? Tá errado isso. Tem que ter comida de gente, quentinha, fumegando, esquentando o estômago, o coração e a alma. E, assim…. 30 minutos???? Uma hora quase não é suficiente pra mim. Socorro!

Responder

BA MORETTI
04/09/2017 às 18:49 ·

meudeus a fome que ia me dar aí sen orrrrrr!!!11!!!11 eu adoro sopa mas calma lá, cade os pratão de feijão, arroz, bife e batata-frita????? HAHAHAHAA sem falar que esse lance de parabéns aí chega a dar um nó na cabeça. certeza que eu ia me perder toda OI??!!11!?

Responder

Deixe um comentário




Categorias